• Blog
  • Leads que não convertem: o que fazer com eles?

Leads que não convertem: o que fazer com eles?

Leads que não convertem: o que fazer com eles?

Leads que não convertem: o que fazer com eles?

Você já deve ter ouvido falar que o abandono de uma grande parte dos leads faz parte da estratégia de marketing, não é mesmo? Mas a realidade é que a maioria dos gestores gostaria de entender quem são esses leads que não convertem e de que forma é possível mudar essa realidade.

Se você é um desses profissionais que quer otimizar as taxas de conversão do seu negócio, continue com a gente! Neste post, vamos mostrar quais são as principais razões que fazem o lead abandonar o seu funil, apresentando dicas para ajudar a aumentar a taxa de conversão. Confira!

O que são os leads que não convertem?

Os leads que não convertem são aqueles que demonstraram algum interesse pelo seu conteúdo, por produtos ou por serviços, seja se cadastrando em uma lista de e-mails, seja baixando um e-book, mas nunca se transformaram em compradores reais da sua empresa.

Embora esses usuários façam parte dos resultados de qualquer estratégia de marketing, se esse número está muito alto em relação às conversões em vendas, é hora de encontrar o erro e repensar as suas ações.

Por que isso acontece?

Quando falamos em estratégias de Inbound Marketing, tudo pode ser mensurado e tem um motivo específico para acontecer. Logo, se os seus leads não estão sendo convertidos em clientes, existe algo errado no seu processo que está gerando um abandono em massa. Os principais motivos que levam um lead a abandonar um funil de vendas são os elencados abaixo.

  • Objeções

    Como o próprio nome sugere, as objeções estão relacionadas com “desculpas”, ou motivos que levam o seu potencial cliente a não comprar. Por exemplo, formas de pagamento, prazo de entrega, dentre outras coisas.

  • Momento ideal de compra

    A sua empresa está sempre pronta para vender, certo? Mas o cliente não está sempre pronto para comprar! E você precisa entender qual é o momento ideal de compra e respeitar isso. Caso contrário, é possível que o lead desista do processo.

  • Falta de percepção de valor

    Preço e valor são coisas diferentes. Quando o lead não percebe valor nos produtos ou serviços que você está oferecendo, isso influencia a sua decisão e são grandes as chances de ele não pagar o preço cobrado. O lead não converte porque não vê a compra como um negócio que valha a pena.

Não tem retorno mais rápido do que
Publicidade Online. Então não perca tempo!

Vamos conversar →

Como otimizar a taxa de conversões?

No entanto, tenha calma! Nem tudo está perdido. Existem algumas estratégias e ações que podem te ajudar a otimizar essa taxa de conversão e fazer com que mais leads se transformem em clientes dentro do seu funil de vendas.

  • Conheça o seu lead

    Quanto mais você conhecer os seus leads, mais eficiente será a sua comunicação e, consequentemente, maiores serão as chances de conversão. Identifique as suas preferências, as necessidades e os tipos de conteúdo mais adequados para cada estágio do funil em que se encontram.

  • >Melhore a régua de comunicação do funil

    É importante que você ajuste a nutrição dos leads de acordo com cada etapa do funil de vendas. A comunicação feita com um leitor que acabou de descobrir o seu blog é diferente do discurso com um lead que já interage com seus conteúdos.

  • >Aprimore a oferta do seu produto ou serviço

    Como você vende a sua empresa? O lead precisa perceber valor nos seus produtos e serviços em todas as etapas do funil. Isso significa que, mesmo que ele saiba que está gastando dinheiro, ele considera aquela transação um investimento vantajoso.

É importante ter sempre em mente que um pequeno aumento na conversão dos leads dentro de cada etapa do funil pode gerar um impacto positivo bem significativo nos resultados da sua empresa. Por isso, é recomendado que você conte com uma agência especializada que possa auxiliá-lo na otimização dessa jornada.

Ainda tem dúvidas sobre como lidar com os seus leads que não convertem? Entre em contato com a gente e fale agora mesmo com um dos nossos especialistas no assunto.

Avalie este post: