• Blog
  • Gatilhos mentais: como utilizar em sua estratégia de Marketing Digital

Gatilhos mentais: como utilizar em sua estratégia de Marketing Digital

Gatilhos mentais: como utilizar em sua estratégia de Marketing Digital

Gatilhos mentais: como utilizar em sua estratégia de Marketing Digital

Para evitar o esgotamento mental nosso cérebro utiliza recursos. Tais recursos estão ligados às ações que fazemos automaticamente, como caminhar ou escovar os dentes, por exemplo.

Esse fenômeno também acontece durante as decisões de compra. Você provavelmente não percebeu, mas seu subconsciente estava sendo influenciado para te fazer comprar determinado produto.

Isso acontece porque certos estímulos são um conjunto de características sociais e emocionais que faz a nossa mente decidir o que vai comprar.

Quando uma estratégia de marketing leva em consideração esses aspectos da mente humana e identifica os estímulos certos a serem usados ela passa a ter um alto poder de persuasão. E é aí que os gatilhos mentais são acionados.

O que são gatilhos mentais?

Os gatilhos mentais são estímulos psicológicos baseados em atividades cognitivas e padrões de comportamento que nos levam a realizar ações. Eles servem como recurso do cérebro para facilitar a tomada de decisões.

Para simplificar, pense na quantidade de ações que você realiza durante o dia desde as mais corriqueiras, como escovar os dentes, andar ou se vestir, até as mais complicadas no trabalho.

Se o nosso cérebro fosse dedicar tempo e esforço a cada uma delas seria impossível manter-se atento a tudo para tomar decisões assertivas.

Sendo assim, os gatilhos mentais nos ajudam com a alta quantidade de escolhas cotidianas, funcionando como um atalho para que elas sejam tomadas. Tais atalhos são formados por incentivos externos, que podem ser estruturados de maneira estratégica para proporcionar os sentimentos e emoções desejáveis.

E quando pensamos nos negócios, em vendas e marketing os gatilhos são usados para influenciar o consumidor na tomada de decisão de compra.

Gatilhos mentais no Marketing Digital

Para ser efetiva uma estratégia de marketing precisa se basear no comportamento do consumidor. Isso inclui entender o que se passa no inconsciente, para que se possa criar abordagens em toda a jornada de compra.

No marketing os gatilhos mentais são explorados principalmente na escrita persuasiva. Por meio de frases de impacto e palavras de ordem esse recurso tem por objetivo despertar emoções.

Os gatilhos mentais podem ser encontrados em CTAs (Call to Action) e peças publicitárias dos mais diversos tipos e segmentos. No entanto, é importante lembrar que as emoções despertadas são diferente de uma pessoa para a outra, por isso, é necessário se atentar a persona.

Como explorar emoções por meio da persona

Cada pessoa possui diferentes experiências de vida, preferências e reações diante de certos estímulos. Por isso, nem todo gatilho mental irá funcionar para todos os tipos de público.

Para garantir que os gatilhos escolhidos realmente funcionem é necessário prestar atenção nas especificações do seu público alvo e mais especificamente da sua persona.

Por exemplo:

Uma empresa especializada em assessoria contábil quer captar mais clientes. Para isso, eles traçaram o perfil do seu cliente ideal com base em dados dos seus clientes já existentes e do público-alvo.

A partir daí foi desenvolvido um plano de marketing para divulgar a empresa e seus serviços.

Para despertar a atenção dos clientes em potencial é necessário provocar certos sentimentos que os convençam de que a empresa em questão tem a melhor solução para os problemas deles. Para isso, foram escolhidos em seus textos os gatilhos de autoridade e prova social (veremos mais a fundo sobre eles adiante).

Tipos de gatilhos mentais

O marketing digital conta com diversas ferramentas, desde a organização de postagens por meio de um calendário editorial redes sociais até sites e landing pages.

Seja em um ou em outro os gatilhos podem e deve ser levados em consideração para que objetivos sejam alcançados.

Mas para aplicá-los é necessário conhecer os princípios dessas ferramentas e como eles podem ser aplicados em determinado público-alvo.

Dito isso, existem em torno de 23 gatilhos mentais, sendo assim, seria impossível falarmos de todos eles nesse conteúdo. Por isso, separamos quatro dos principais gatilhos utilizados nas estratégias de marketing digital.

1 – Gatilho da escassez

Esse é um dos gatilhos mais importantes, pois ativa o sentimento de que a pessoa está perdendo uma oportunidade única.

Tráfego Orgânico: Guia completo para conquistar tráfego para seu site

A ideia aqui é atribuir valor ao produto ou serviço. Isso porque nós costumamos a valorizar ainda mais aquilo que parece raro ou exclusivo, ou seja, quanto mais escasso algo parece mais atenção ele irá conseguir dos consumidores.

Para aplicá-lo procure lançar produtos ou serviços de quantidade/vagas limitadas. Outra opção é oferecer preços especiais e cupons com prazos para terminar.

Assim, mensagens desse tipo, fortes e chamativas, fomentam a urgência de comprar algo imediatamente.

2 – Gatilho da autoridade

Normalmente nós escolhemos uma empresa em detrimento de outras quando sentimos que ela tem algo a mais para oferecer ou que tem mais conhecimento do que a concorrência.

Para fazer isso a organização deve se posicionar como líder no mercado ou demonstrar autoridade no que dizem e fazem, para, assim, fazer com que seu público sinta que seu negócio é o melhor do segmento.

Então, se a empresa do exemplo anterior deseja fazer com que mais empreendedores queiram contratar uma assessoria contábil ela deve demonstrar todo o seu conhecimento na área.

Uma boa forma de aplicar esse gatilho é por meio do marketing de conteúdo. Com o fornecimento de informações relevantes para as pessoas a empresa consegue alguns benefícios:

  • Estreita relações;
  • Demonstra total conhecimentos na área;
  • Torna-se a solução escolhida pelo público alcançando.

3 – Gatilho da reciprocidade

A reciprocidade é um sentimento ótimo para construir uma relação sólida entre as empresas e seus clientes.

Nesse gatilho a organização provoca a sensação de que está oferecendo algo valioso sem pedir nada em troca. Isso levará o cliente à realizar a compra como forma de retribuir o favor.

A reciprocidade pode ser explorada por meio do oferecimento de e-books gratuitos, brindes enviados junto com a compra, períodos de degustação dos serviços oferecidos, entre outros benefícios

4 – Gatilho da novidade

Todos adoramos uma novidade, seja qual for a situação. Diante de um produto inédito costumamos ter o impulso de comprar-lo apenas pelo prazer de ser uma das primeiras pessoas a possuí-lo.

Sendo assim, sempre que um novo produto ou serviço é lançado no mercado explorar o gatilho da novidade é uma forma de chamar atenção e incentivar as pessoas a comprarem rapidamente.

Na estratégia de marketing digital ele pode ser utilizado no e-mail marketing,
anúncios que contenham a palavra “novo” ou variações em destaque, entre outros.

Se uma concessionária de carros planeja vender um novo modelo de carro com condições especiais para quem tem direito a isenções PCD, por exemplo, ela pode planejar anúncios que deem dicas sobre a novidade com prazo para serem reveladas.

Isso fará com que os clientes fiquem na expectativa e ainda mais interessados no lançamento.

5 – Gatilho da prova social

Apesar de gostarmos de coisas exclusivas nós também somos muito influenciados pela opinião alheia. Essa característica alimenta o nosso interesse pelas coisas que as pessoas estão falando, fazendo ou usando.

Além disso, costumamos desconfiar daquilo que não conhecemos, o que se torna um fator determinante na hora de escolher entre uma opção ou outra.

Sendo assim, as empresas precisam validar de alguma forma a qualidade de seus produtos ou serviços. Isso pode ser feito por meio de depoimentos, comentários, números e falas de especialistas.

É por esse motivo que personalidades e influenciadores digitais são tão procurados pelas empresas para falar bem dos seus produtos.

Vale ressaltar também que a prova social pode ser utilizada nas peças publicitárias tradicionais e também nas redes sociais e sites.

Conclusão

Com esse conteúdo deu para perceber que os gatilhos mentais podem ser encontrados por todo o lado. Eles são tão comuns que nós provavelmente já fomos influenciados por eles várias vezes ao longo da vida.

É importante relembrar que existem vários outros exemplos a serem explorados. Por isso, não deixe de manter o foco nos problemas e desafios que seu público enfrenta, tanto na vida pessoal como profissional, para apresentar soluções e influenciá-los com os gatilhos mentais mais efetivos.

Texto produzido por Business Connection

Avalie este post: