Benchmarking: por que comparar o seu site com o dos concorrentes?

Benchmarking: por que comparar o seu site com o dos concorrentes?

Benchmarking: por que comparar o seu site com o dos concorrentes?

Sabemos que ter um site é primordial para as empresas que desejam construir uma presença digital estratégica. Afinal de contas, criar um canal próprio é a oportunidade que o seu negócio tem de se aproximar dos potenciais clientes e construir uma audiência.

No entanto, apenas estar na internet não é garantia de sucesso, pois a concorrência nesse ambiente se intensifica cada dia mais entre as marcas. Mas como saber se você está no caminho certo com o seu site?

O benchmarking de sites é uma tática excelente para descobrir o que os concorrentes têm feito e consequentemente, inovar a sua estratégia. Ou seja, é interessante observar não só a concorrência como os líderes de outro mercado que tenham público-alvo semelhante ao seu.

Dessa forma, é possível entender as melhores práticas para aprimorá-las e aplicar no seu projeto. Além disso, você pode observar o que o concorrente comparado não tem para adicionar ao seu site e criar um diferencial no mercado.

Mas, afinal, como se destacar da concorrência?

Além dessa estratégia de benchmarking, que é muito útil no aprimoramento da sua atuação na internet, existem outras maneiras de se diferenciar. Uma delas é investir pesado na experiência do usuário.

Ao criar o seu site, o centro da estratégia deve ser as práticas que tornam o seu canal o mais eficiente possível para o público. Isso quer dizer que você precisa considerar os seguintes aspectos.

Fique atento à navegabilidade e usabilidade do siteus

Quando o usuário acessa o seu site ele precisa chegar às informações de maneira rápida e fácil. Assim, é preciso ter cuidado com a hierarquia das informações. O usuário precisa chegar às informações de interesse com o menor número de cliques possível.

É importante que o retorno à página principal também esteja sempre muito bem sinalizado e facilitado. Ademais, a leitura do conteúdo das suas páginas precisa estar totalmente legível, com uma fonte adequada e o uso de marcadores, tudo para escanear o texto e proporcionar uma leitura mais agradável ao usuário.

Outro ponto importante que considera esses conceitos de navegabilidade e usabilidade de um site, é pensar em todos os dispositivos. Nos dias de hoje ter um site com layout responsivo é uma questão de sobrevivência.

As pessoas utilizam os celulares cada vez mais como fonte de pesquisa e até mesmo de consumo. Isso levou o Google a determinar, desde 2015, que páginas que não se adequarem a qualquer formato, terão queda brusca nas buscas. Por esse motivo, não se pode negligenciar a força dos dispositivos móveis na vida dos consumidores.

Desta maneira é recomendado que o seu site tenha uma boa experiência em qualquer plataforma que seja acessado, sem comprometer a qualidade da visualização das informações. Seja no celular, no tablet ou no desktop, o usuário precisa ter a mesma usabilidade positiva em todos os canais. Caso contrário, as chances de conquistar um novo cliente são ainda menores.

Produza conteúdo de extrema relevância

O marketing de conteúdo é uma das estratégias responsáveis pelo destaque de um site no ambiente digital. Quando o seu negócio cria informações valiosas para o público, ele se transforma em uma autoridade no segmento em que atua.

Desse modo, cada vez mais pessoas vão acessar sua página em busca de conteúdo e isso gera valor e diferenciação no mercado. Mas atenção; para criar um conteúdo memorável é preciso ter em mente quem é a sua persona.

A principal diferença entre a persona e o público-alvo é que a primeira é mais detalhada. Já para identificar a segunda, é preciso ter em mãos dados mais superficiais como: homens e mulheres, a partir de 25 anos, classe B/C.

Resumidamente, definir uma persona é criar um personagem com características demográficas e comportamentais que representa o seu comprador ideal. O mais interessante é que esse perfil é baseado em dados reais, que podem ser coletados em entrevistas com os seus próprios clientes.

Com isso, o seu negócio terá ainda mais possibilidades de chamar a atenção para dentro do site com um conteúdo de qualidade.

Otimize o seu site

As táticas de SEO são responsáveis pela otimização de um site nos mecanismos de busca. Ou seja, também contribuem para destacar a sua página e deixar os concorrentes para trás. Todos os dias milhões de pessoas utilizam o Google para pesquisar sobre produtos e serviços e você precisa facilitar que sua página seja encontrada.

Se o seu site aparece nas primeiras páginas desse mecanismo com certeza está um passo à frente da concorrência. Sem falar que o número de visitas só aumenta e as chances de gerar negócios também.

Como fazer um benchmarking de sites bem-sucedido

Neste post comentamos a respeito da importância de apostar nessa estratégia de benchmarking para se atualizar e estar sempre à frente dos concorrentes. Por essa razão, vamos trazer mais informações sobre como analisar a concorrência de forma prática e muito eficiente.

Utilizando o Google Analytics

O Google Analytics é uma das ferramentas mais utilizadas quando o assunto é o monitoramento de um site. Além de ser muito eficaz, a plataforma é muito intuitiva e oferece dados valiosos.

Dentro dela existe a funcionalidade Benchmarking, que permite comparar o desempenho do seu site com outros canais. Ou seja, o Google extrai de forma anônima as informações dos sites competidores e utiliza para exibir estatísticas.

Para ativar esse recurso:

  • clique na aba Administrador;
  • selecione a conta que deseja alterar e clique em Configurações da Conta;
  • habilite a opção “Anonimamente com o Google e outros”;
  • clique em Salvar.

Utilizando a ferramenta Similar Web

A plataforma Similar Web é muito completa e possui as versões gratuitas e os planos pagos. No entanto, para testar você pode acessar o site: http://www.similarweb.com.br/ rolar a página para baixo e inserir no campo de teste a URL do site que deseja analisar.

Em seguida, você terá acesso às informações sobre o tráfego: o número de visitas mensais, o tempo que cada usuário passa em média dentro da página e a taxa de rejeição.

Mais que isso, é possível visualizar dados como as fontes de aquisição de tráfego, ou seja, de onde (orgânico, redes sociais, etc) vem a maior parte das visitas. Você ainda consegue acessar as principais palavras-chave que posicionam o site na busca orgânica e outros similares a este, o que possibilita encontrar novos concorrentes.

Com essas informações em mãos, o seu negócio pode aprofundar a pesquisa naqueles que produzem os melhores trabalhos na internet e consequentemente, alcançar a excelência no seu canal.

Agora que você já sabe como o benchmarking de sites é importante para potencializar a sua presença digital, que tal começar a sua estratégia?

E se você gostou do nosso artigo, continue acompanhando o nosso conteúdo exclusivo por meio das principais redes sociais! Estamos no Facebook, Twitter e LinkedIn.